21 de mar de 2011

Resenha - O Vale dos Anjos - O Torneio dos Céus - Parte 1

Oi gente!!!
Tenho pequenas declarações a fazer:
Para quem já acompanha o blog a um tempinho percebeu que parcerias sempre rolam, principamente entre o blog e autores, pois é, disso vão vir coisas muitoooo boas, aguardem...
Quanto mais divulgarem o blog, melhor para vocês... Ai que vontade de contar...

Mas vamos ao que interessa, a resenha de Vale dos Anjos:

O Vale dos Anjos - Leandro Schulai

Sinopse: A morte tem o poder de separar um amor?
Para muitas pessoas, a frase "até que a morte os separe" é a afirmação de que morrer é o fim de tudo, inclusive para o amor. Mas se fizermos essa pergunta para o grego Dimitris Saloustros a opinião será bem diferente. Com uma morte precoce e uma promessa feita à sua amada o rapaz parte em busca do desconhecido Vale dos Anjs, local onde se encontram as maravilhas do Paraíso e o medo e apreensão das oito prisões, em busca de cumprir o seu feito.
Auxiliado por anjo-guia-de-enterro, Obelisco, cujo humor ajuda nos momentos difíceis, pela cupido Anne cuja beleza é incomparável e treinado pelo misterioso mestre Ramirez; Dimitris parte em uma jornada recehada de grandes belezas, pessoas marcantes e mistérios complexos que o farão perceber que nada é por acaso e que sua estadia nesse misterioso lugar já era aguardada a muito tempo...

Só tenho coisas boas para falar do livro, e apenas uma declaração a fazer: que o próximo livro seja lançado logo...
Mas, vamos ao que interessa:
O modo de narrativa do livro é muito bom, sendo em terceira pessoa, a leitura flui melhor, os ambientes e as pessoas são descritas mais detalhadamentes, o que nos deixa mais a par da história.
Quanto aos personagens, todos me cativaram:
Dimitris com sua coragem, perseverança, beleza, amabilidade, com seu carinho em relação a seus amigos e a todos que conhece ao longo de sua jornada.
Obelisco é demais! Um dos melhores persongens. É engraçado, um bom amigo, corajoso, meio deprimido quando sua esposa é citada, mas logo da a volta por cima e faz uma piada.
Anne é muito doce, além linda, carinhosa, e muito amigável. Até certo ponto do livro, achei que fosse um pouco amargurada, mas depois entendi porque e chorei junto na revelação de sua história de vida.
Eu gostei também de Ramirez e Brian.
Ramirez é muito misterioso, o que me deixou com um pé atrás o livro inteiro, porque algumas atitudes o deixam meio estranho...
Brian, antes de mais nada preciso dizer que é sortudo... Invejoso, mas só porque também tem seus motivos para querer ganhar o Torneio.
O livro gira em torno da morte de Dimitris. Depois que isso acontece, guiado por Obelisco, é levado até seu julgamento, onde é absolvido. 
Ele quer muito voltar a vida, para poder continuar sua vida terrena ao lado de sua esposa, Mariah. E Anne descobre que o único modo é vencendo o Torneio dos Céus e se tornando um anjo-semideus.
No meio desses problemas Dimitris ainda quer reencontrar seu pai que morreu a pouco tempo.

Dimitris vence o Torneio?
Reencontra seu pai?
Como ficam Anne, Obelisco, Ramirez e Brian?
Descobra lendo O Vale dos Anjos - Toneio dos Céus - Parte 1. =]
 
A nota é: 5,0. =*

0 comentários:

Postar um comentário