20 de mai de 2012

Janela da minha TV #10 - Glee



Então, a série dessa semana também faz parte do meu trabalho para uma das cadeiras que eu tenho nesse período. Escolhi-a por várias razões, inclusive pelo tema e pelo grande sucesso que ela vem tendo mundialmente – isso desde a sua 1º temporada. Meus caros, é impossível alguém falar que não conhece Glee. Aposto que pelo menos um episódio já assistiu, nem que seja em partes. Mas como uma série, aparentemente direcionada ao público jovem, faz tanto sucesso entre esse mesmo público e públicos de outras faixas etárias?
Glee é uma série musical. Ela veio ao ar em Setembro de 2009, pouco tempo depois da explosão que houve lá nos EUA do filme High School Musical. Eu sei, nada haver as duas coisas, mas ambos são musicais. A grande diferença é que o filme de HSM tem músicas inéditas, enquanto Glee é uma releitura de grandes sucessos pop, rock, entre muitos outros gêneros. Sem falar que o público do filme da Disney Channel se voltou para Glee – que inicialmente foi lançada como um filme. Alavancando ainda mais o sucesso da série.
Os temas variam bastante, mas todos se mantem próximos ao cotidiano dos jovens– com assuntos polêmicos e comuns, com grandes reviravoltas e surpresas que sempre deixam o público nervoso e sobressaltado com cada episódio. É claro, tudo isso é acompanhado com bastante música, muitas vezes retratando o teor que os personagens estão tendo naquele dado momento da história.
Os personagens são muito bons e sempre fazem com que o telespectador se identifique . E, sério, quem aqui não consegue se acabar de rir com a Rachel Berry (Lea Michele) e o Finn Hudson (Cory Monteith)? Fora o Artie, a Mercedes e vomitar arco-íris com o Kurt??? Eles conseguem falar de coisas sérias sem toda aquela tensão que você imaginaria que poderia acontecer em outra série. É divertido e agradável de ver, sinceramente. 
E o segredo para atrair o público mais velho? Simples: a escolha das músicas. A pessoa que seleciona as músicas para cada episódio É UM GÊNIO! São clássicos dos anos 50, 60, 70, 80 e assim vai até a nossa Lady Gaga. São músicas lindas que muitas vezes nós esquecemos, e que de repente ficamos surpresos e felizes de escutar sair por entre os lábios de jovens na série. Sem falar naqueles incríveis mashups que de vez em quando acontecem. Na boa, não há mãe ou pai que não fique impressionado com todo aquele repertório. E ainda fica contente pela filha estar escutando as músicas do seu tempo! 
Se você nunca assistiu Glee (OMG!) corra agora e veja pelo menos o primeiro episódio. É aquele tipo de série para você relaxar e assistir num domingo tranquilo. Sobre o meu trabalho, bem, eu vou fazer uma paródia de duas performances para a cadeira de Teoria e Estética da Imagem. Quando eu gravar e editar o vídeo eu posto aqui para vocês rirem de mim! KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

Nota:



Música: Don't Stop Believing - Journey (Bem, é complicado nomear uma música para uma série musical. Mas até mesmo Glee tem a sua música. E ela é como se fosse um hino da série. Qualquer um que escutá-la associará na hora!)


0 comentários:

Postar um comentário