31 de out de 2011

Resenha - A Jornada

A jornada
Erin E. Moulton,
Editora Novo Conceito

Sinopse: “A história começa lá em casa. Na montanha. Cinco quilômetros morro acima em uma rua poeirenta e esburacada, passando pelo pomar de Mr. Benny, logo depois da banca de legumes da Nanny Ann. Estamos no outono, minha estação favorita. E em poucos dias será meu feriado favorito: Halloween. É isso aí, aqui em Canton Creek Turnpike, é tempo de pegar doces e esculpir abóboras.” Quando as crianças ouvem histórias sobre lendas, mistérios e milagres, só podemos imaginar – de longe – o que estes contos podem significar em suas mentes. A história de A jornada surge assim: de uma senhora misteriosa, que vive entre as águas da floresta e é capaz de realizar milagres, a uma linda e comovente narrativa sobre o amor entre irmãs. Ao nascer fraquinha, com a vida em risco, Lilly desperta em suas irmãs uma necessidade heróica de providências. Tocadas pela tristeza que abate a família, elas se arriscam em uma jornada cheia de aventuras e situações muito incomuns. Entre florestas, quedas de água, pântanos, barulhos assustadores e caçadores nada agradáveis, as meninas lutam pela própria vida enquanto buscam a água milagrosa que deverá salvar sua irmãzinha. Um conto de fadas contemporâneo, escrito de forma sensível, que envolve o leitor nas maluquices das garotas e que é capaz de encantar e enternecer.


---------------------------------------------------------------

Tudo começa quando Maple está fazendo sua abóbora para a noite de Halloween. Naquela noite sua nova irmã, Lilly, vem ao mundo. Mas ela nasceu prematura e seu coração não bate do jeito que deveria.
Então Maple resolve sair em busca da água da Mulher Sábia da Montanha. De acordo com a Lenda, quem tomar a água estará completamente curado de qualquer doença. Porém sua irmã mais velha descobre seu plano e resolve ir junto.
A partir do momento que saem de casa, a aventura começa. E não é nada fácil.
As duas passam por péssimos momentos. Acontecem várias reviravoltas: quando você pensa que elas já estão voltando para casa acontece algo que as tira do caminho.
Será que Danw e Maple conseguem salvar sua irmã? Ou até mesmo conseguem voltar para casa? Isso você só vai descobrir lendo... =P


---------------------------------------------------------------


Um dos livros mais fofinhos de todos os tempos!!! Basta uma frase para definir esse livro.
É narrado por uma menina de 9 anos, a Maple. Ela é tão ingênua e ao mesmo tempo tão esperta, que dá vontade de morder.
A narrativa do livro flui tão bem, que quando percebi já havia terminado e queria mais. Não tem um texto complicado, o que já se imagina, pois, como disse anteriormente, é narrado por uma criança. Mas também não é um texto bobo do tudo: "Era uma vez um árvore e todos viveram felizes para sempre."
Os personagens do livro se resumem, basicamente em Maple e sua irmã mais velha, Dawn.
Dawn é meio pessimista. Tudo que Maple queria fazer, ela já dizia: "Isso não vai dar certo..." Mas ao final da história tinha uma impressão totalmente diferente do que eu esperava. Ela é mais forte do que eu imaginava, acaba apoiando Maple no final das contas.
Maple é uma gracinha. Tudo começou com sua tentativa de salvar a nova irmãzinha Lilly. "Nada é impossível se você acredita" é uma frase que a define bem. Não desiste nunca, e ao final percebi que ela tinha razão em tentar de todas as formas que estavam ao seu alcance.
Esse é aquele tipo de livro que te faz repensar todos os seus atos, e te fazer perceber o quanto você é egoísta. Fiquei uns dois dias com depressão pós-final de livro. Percebi que posso fazer qualquer coisa se eu quiser, basta acreditar em mim mesma.

Não é um livro cheio de drama ou romances de tirar o fôlego. É um livro lindo sobre família e que nos ensina uma bela lição: Tudo é possível se acreditarmos e acrescentarmos mais uma coisinha: o amor.


Nota: 

Se você se interessou pelo livro tem promoção dele aqui no blog:



Um comentário:

  1. Ai, que tudo *-* Adorei!!!! Quero muito ler esse livro logo \o/

    ResponderExcluir