26 de dez de 2012

Resenha - Romeu Imortal

Romeu Imortal
Stacey Jay
Editora Novo Conceito

Nível de spoilers do primeiro livro: Leve.

Sinopse: Há séculos Romeu vive atormentado por seu passado e assombrado por seu presente. Castigado por suas escolhas e conhecido por seus modos cruéis e violentos, ele agora tem uma única chance de se redimir.
Nesta continuação da saga Julieta Imortal, Ariel Dragland não sabe, mas é importante tanto para as facções do bem quanto para as facções do mal, e o destino do mundo está em suas mãos.
A missão de Romeu é conquistar o coração de Ariel e fazê-la acreditar no amor, livrando-a de seus próprios fantasmas e medos. No entanto, o que começa apenas como mais uma tarefa para Romeu, poderá guiá-lo a suas única e incontestável verdade. E ele lutará até o fim para proteger Ariel e ganhar seu coração e sua alma.

---------------------------------------------------------

Após a leitura de Julieta Imortal, fiquei na expectativa de um segundo livro. Afinal, no primeiro Julieta tem uma missão a cumprir, e nada seria mais natural do que termos uma história da visão do Romeu, certo?

De qualquer forma, fiquei muito feliz quando vi a notícia da futura publicação de Romeu Imortal. Gostei muito da narrativa da Stacey e queria, de verdade, saber o que o futuro reservava para o nosso personagem.

Em Julieta Imortal, tivemos a chance de conhecer a história de amor mais famosa de todos os tempos contada pela visão da própria Julieta, e posso dizer que não aconteceu como todos pensávamos. Romeu sacrificou a vida de sua amada para que pudesse se tornar um Mercenário. O que ele não esperava era que, sua antiga amada tornasse-se uma Embaixadora da Luz, o que significava que os dois, a partir daquele momento, haviam se tornado inimigos - se é que a facada no peito que Romeu havia dado em Julieta não fosse clara o bastante.

Já em Romeu Imortal, a história é narrada pelo ponto de vista de Romeu. Após o final da missão de sua antiga amada, ele ficou vagando pela terra, vivendo no espectro de sua alma, a Enfermeira, uma das Embaixadoras da Luz, fica com pena dele e resolve lhe dar uma segunda chance. Para isso, ele precisa habitar, até concluir sua missão, o corpo de Dylan, um garoto que, no passado, foi um tanto quanto cruel com Ariel, a garota que é a missão de Romeu.

A missão de Romeu, é teoricamente bastante simples: tudo que ele tem que fazer é conquistar o coração de Ariel e levá-la para o caminho do bem. Mas não é bem assim que as coisas funcionam. Apesar de tímida, Ariel acaba se mostrando uma personagem de personalidade forte, e com a língua bem afiada, diga-se de passagem.

Ariel é parte importante da guerra entre os Mercenários e os Embaixadores, ela apenas não sabe disso. E é por isso que Romeu precisa aprender a aceitar cada um dos defeitos e apreciar cada qualidade, ele precisa que ela se apaixone por ele. Porque, se ele não cumprir sua missão, volta para o espectro de sua alma, e viverá a eternidade vagando pela terra.

Ao longo da narrativa, percebemos que ambos os personagens, tanto Romeu, quanto Ariel, evoluem. Deixando as infantilidades de lado e tornando-se cada vez mais adultos, tomando decisões que provam isso.

O livro é dividido em três narradores: Julieta, Romeu e Ariel. Quase sempre separando cada narrador por capítulos. Ariel além de narrar os momentos românticos, narra o que se passa em sua cabeça. As vozes que houve, os delírios que tem. E nesse ponto, a narrativa dividida contribuiu para que tivéssemos uma visão além dos beijos, abraços e brigas. Já na parte narrada por Julieta, ela conta o que aconteceu após o final do primeiro livro. 

Porém, senti que faltou uma explicação melhor das dimensões e do mundo criado pela autora. Ela explica vagamente que Romeu voltará a uma realidade alternativa para tentar conquistar Ariel, mas não passa disso. Eu gostaria de saber mais sobre isso e sobre como a alteração de uma dimensão altera a guerra entre os Embaixadores e os Mercenários. Faltou explicação nesse ponto.

Posso dizer - sem spoiler, é claro - que o final foi inesperado. Claro, você meio que sabe o que acontece no fim, mas a maneira que Stacey Jay conduziu ao acontecimento, foi realmente emocionante. E, se você gostou de Julieta Imortal, vai gostar ainda mais de Romeu Imortal.

Se você já leu o primeiro livro, vale muito a pena continuar a leitura da série. Você se surpreenderá bastante com o desfecho da história de Ariel e Romeu. E se não leu Julieta Imortal ainda, corre, porque eu tenho certeza que será uma leitura, no mínimo agradável.

Nota:


0 comentários:

Postar um comentário